Secretário-geral diz não ter sido notificado de votação aberta no Senado

Telegram

O secretário-geral da Mesa do Senado, Luiz Fernando Bandeira de Mello Filho, disse que a Casa ainda não foi notificada do veto da Justiça Federal à votação secreta no caso Aécio Neves.

Bandeira de Mello disse que ficou surpreso ao saber da liminar, concedida na sexta-feira, pela imprensa.

Segundo o secretário-geral, a Justiça de primeira instância não tem legitimidade para decidir sobre o regimento do Senado, que prevê votação secreta em casos como o de Aécio. A decisão final sobre abrir ou fechar o voto será do plenário, afirmou.

Comentários

  • Daisy -

    Este sujeitinho ja eh nosso velho conhecido. Foi ele quem se associou a uma funcionaria do gabinete de Levandowiski para divulgar - numa entrevista na Globo News - a teoria fabricada pela dobradinha Levandowiski/Renan para - desrespeitando o estabelecido na nossa Constituicao - preservar os direitos politicos de Dilma Rousseff apos o impeachment. Este "servidor publico" cujo salario pagamos, eh uma especie de papagaio de pirata, sempre pendurado no ombro de presidentes do Senado, adulador e solicito em deturpar as regras e leis em desfavor do povo - seu verdadeiro patrao. Ele nao passa de um bem treinado e prepotente servidor publico que - a exemplo do seu ex-chefe Renan Calheiros - se considera acima da lei, certamente com base em algum pistolao que tem e que, inclusive, lhe garante permissao para um irregular acumulo de funcoes, recentemente divulgado pelo Antagonista. Vamos ficar de olho nele!

  • Deliano -

    Eta paisinho sem vergonha☠🚓

  • Brasileiro -

    DIRETAS JA FOI UM GOLPE DE ESTADO. TA NA CARA. BRASIL AME-O OU DEIXE-O

Ler 14 comentários