Venda dos apês funcionais: “Sei que a proposta vai enfrentar forças estranhas”

Carlos Andrade, do PHS de Roraima, como O Antagonista revelou, propôs à Câmara a venda dos apartamentos funcionais dos deputados ou pelo menos uma revisão dessa política de imóveis que custa milhões aos brasileiros e não faz mais o menor sentido.

A proposta está na mesa do quarto-secretário da Casa, deputado André de Paula, do PSD de Pernambuco, justamente o responsável pela “imobiliária da Câmara”. Após o parecer dele, a Mesa Diretora tomará a decisão.

“Sei que a proposta vai enfrentar forças estranhas, mas sei também que os brasileiros entendem quem paga essa conta.”

Será divertido ver a explicação dos deputados que acham que precisam mesmo de um apartamento de mais 200 metros quadrados em área nobre de Brasília, sendo que, em geral, passam, no máximo, três dias por semana na cidade — a maior parte do tempo no Congresso.

Leia mais aquiaqui e aqui e aqui e aqui.

Por que os deputados precisam de apartamento funcional?

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. QWERTY disse:

    O Collor vendeu os apartamentos funcionais do Poder Executivo aos seus ocupantes na década de 90, a preços extremamente camaradas e financiados a juros generosos. Espero que a Câmara e o Senado façam o mesmo, mas sem favorecimento aos ocupantes, como fez o Collor.

Ler comentários
  1. Erivelto Valério disse:

    Qual será a imobiliária que já acertou com o deputado a compra dos apartamentos?

  2. Atento disse:

    A União deveria descontar do Estados essa verba dos aps. funcionais que eles usam. Estado quer mordomia, que pague? Assim o próprio estado vai pressionar o seu representante. O povo estadual que pague e não o federal. É uma idéia, apenas.

  3. CrasseMediaCensurada disse:

    Como se não fossemos pagar diárias e diárias e diárias e diárias...de hotéis no DF

  4. Zuleide Rezende miranda disse:

    Eles precisam de imóveis funcionais, como não? O povo tem que pagar mesmo. Quem elegeu essa caterva de pilantras tem que mantê-los a pão-de-ló.n Viva o congresso nacional! Dou o maior apoio. Eles são maravilhosos. Muito úteis. Valem cada centavo do dinheiro investido neles. E ganham muito pouco.

  5. Marie Antoinette disse:

    O povo não tem pão? Que comam brioches!