Sem diretores, Anvisa não pode tomar decisões colegiadas

Sem diretores, Anvisa não pode tomar decisões colegiadas
Foto: Divulgação

Terminou ontem o mandato provisório de três diretores da Anvisa, o que deixa o órgão impossibilitado de tomar decisões colegiadas, em plena pandemia, informa O Globo.

Marcus Aurélio Miranda de Araújo, Meiruze Sousa Freitas e Romison Rodrigues Mota foram nomeados em abril, por Henrique Mandetta, e até agora o governo não indicou substitutos.

A Anvisa tem cinco diretores e precisa de ao menos três em atividade para decisões colegiadas, que incluem normas sobre medicamentos.

A próxima reunião é na quarta-feira e a pauta inclui a análise de um projeto de lei apresentado pelo deputado Alexandre Padilha (PT-SP) para enfrentamento da pandemia.

Leia mais: Por que a escolha do novo ministro do STF agrada ao establishment e pode mudar -- para pior -- as coisas em Brasília
Mais lidas
  1. Emendas extras liberadas pelo governo beneficiam aliados de Bolsonaro

  2. Médica de Rondônia ri de intubação de pacientes

  3. Bolsonaro contradiz governador do AM e alega que governo não foi informado de falta de oxigênio

  4. Neymar pai no 'churrasco de leite condensado'

  5. Huck 2026?

Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 10 comentários
TOPO