Senado aprova comissão para acompanhar intervenção no Rio

O plenário do Senado aprovou hoje à noite, por votação simbólica, a criação de uma comissão temporária externa para acompanhar a intervenção na segurança pública do Rio.

A comissão terá seis integrantes e funcionará por um ano, o mesmo prazo de vigência do decreto de intervenção. O orçamento do colegiado ainda não foi definido.

Os três titulares e os três suplentes da comissão devem ser indicados pelos líderes partidários nos próximos dias, segundo o Estadão.

Comentários

  • Nélio -

    Essas FFAA devem ser perigosíssimas para todo mundo se preocupar com a aplicação da lei por elas. Parece até o Congresso Nacional. Tranquilo mesmo é lidar com traficantes e milicianos. Afinal, cumprir a lei é a última preocupação deles. Isto é que é uma completa inversão de valores. É como se a rotina das FFAA fosse descumprir a lei.

  • ps -

    Aí vão os nomes: renancanalha, barbalho e aécim, suplentes: marcola, beira mar e nem da rocinha...agora sim a bandidagem do RJ terá fim...

  • Mara -

    Agora a gente fica tranquilo, mesmo havendo o tal mandado sem nome, sem endereço, sem lenço, sem documento. Podemos ter certeza de que foram escolhidas as figuras mais honestas, íntegras, probas para a missão. rs rs rs rs

Ler 10 comentários