Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Senador petista vai engolir o sapo de Gleisi e tocar a vida

Rogério Carvalho foi o único da esquerda a votar a favor do "golpe do orçamento secreto", contrariando a orientação do PT
Senador petista vai engolir o sapo de Gleisi e tocar a vida
Foto: Pedro França/Agência Senado

Na última segunda-feira, como registramos, o senador Rogério Carvalho, do PT de Sergipe, foi o único da esquerda a votar a favor do “golpe do orçamento secreto”, desobedecendo orientação do partido.

Um voto contrário dele poderia ter sido decisivo no resultado.

Alvejado nas redes sociais, o petista, que é muito próximo de Rodrigo Pacheco (PSD), alegou que votou a favor “para defender a autonomia do Congresso”.

No dia seguinte, a deputada Gleisi Hoffmann, presidente do PT, disse à Folha que a posição do colega foi “muito grave”.

No Twitter, o PT publicou o seguinte em sua conta oficial:

“A orientação do Partido dos Trabalhadores foi de obstrução e voto contrário ao orçamento secreto. A posição do senador Rogério é de caráter pessoal, pela qual deve se manifestar.”

Desde então, petistas têm pedido a expulsão do parlamentar, citando, inclusive, trechos do estatuto do partido que tratam de possíveis punições em caso de posicionamento contrário à orientação da bancada.

Lamentável e indefensável o papel a que o senador Rogério se prestou”, escreveu um petista no Twitter. “Vergonhoso! Um vendido”, emendou outro, sustentando a hipótese de que o parlamentar possa ter sido beneficiado com as emendas de relator.

O Antagonista ouviu, em reservado, duas lideranças petistas sobre o caso. 

“Não é para expulsão. Acho que vai parar na advertência”, disse um deputado.

Um senador comentou: “O pito público da Gleisi foi suficiente. É vida que segue. Ninguém é perfeito”.

Carvalho é pré-candidato ao governo de Sergipe, onde deve dar palanque para Lula em 2022. Atualmente, é vice-líder do partido no Senado.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....