Senador pode ser preso na semana que vem

O TSE informou ao STF ontem à noite que manteve a rejeição do registro de candidatura de Acir Gurgacz ao governo de Rondônia, registra o G1

Com isso, a expectativa é que uma ordem de prisão contra o senador do PDT de Rondônia seja expedida na semana que vem, depois das eleições.

Gurgacz foi condenado pelo Supremo em fevereiro, sob a acusação de obter mediante fraude financiamento no Banco da Amazônia para renovar a frota de ônibus de sua empresa, a Eucatur.

Em setembro, a Primeira Turma do tribunal determinou o início do cumprimento da pena imposta ao senador –de quatro anos e seis meses, por crimes contra o sistema financeiro.

Palocci delatou a corrupção na era Lula. E o poste? Saiba mais AQUI

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 4 comentários