Senador usa cotão para pagar canal de futebol, mas promete devolver valor

Senador usa cotão para pagar canal de futebol, mas promete devolver valor
Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

O senador Esperidião Amin, do Progressistas de Santa Catarina, usou a cota parlamentar para pagar, durante três meses, um serviço de TV por assinatura extra para transmissões de jogos de futebol.

As informações constam do Portal da Transparência do Senado. A cota parlamentar, conhecida como cotão, é dinheiro público ao qual cada congressista tem à disposição para gastar com quase tudo o que você imaginar.

O serviço foi contratado entre os meses de setembro e novembro do ano passado. Veja um exemplo abaixo da fatura apresentada para ressarcimento:

 

 

Em nota, Amin disse a O Antagonista que “passou despercebida pela equipe do gabinete a conferência, na hora do ressarcimento, pois esperava-se que fosse glosado o valor referente à assinatura ‘à la carte’, como ocorre em demais documentos que envolvem despesas não relacionadas à atividade parlamentar”.

Amin acrescentou que está em vigor um ato da Mesa Diretora, veja só, que autoriza o ressarcimento de TV por assinatura “sem restrições”. Ele, porém, prometeu devolver o valor de R$ 239,70 referente às três mensalidades do canal esportivo, que continuará sendo contratado.

“Nos próximos requerimentos, será solicitado formalmente o não ressarcimento dessa despesa”, completou a nota.

O senador agradeceu o que chamou de “trabalho fiscalizador de O Antagonista”.

Leia mais: Crusoé mostra como a corte do STF volta a ser palco de troca de farpas entre ministros, intrigas e até ameaças após o julgamento da reeleição no Congresso.
Mais notícias
TOPO