Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Senadores ameaçam diretor do FIB Bank de prisão

Integrantes da CPI da Covid apontaram contradições no depoimento de Roberto Pereira Ramos Júnior sobre a relação da empresa com Marcos Tolentino
Senadores ameaçam diretor do FIB Bank de prisão
Foto: Pedro França/Agência Senado

Senadores da CPI da Covid ameaçaram de prisão o diretor do FIB Bank, Roberto Pereira Ramos Júnior. No depoimento, ele entrou em contradição diversas vezes e não conseguiu explicar a relação da empresa com Marcos Tolentino.

Roberto Pereira negou que Tolentino seja sócio oculto do FIB Bank e foi confrontado com documentos que mostavam que a empresa fez transferências de quase R$ 2 milhões para Tolentino em 2020.

“O habeas corpus concedido pela excelentíssima ministra Cármen Lúcia não o exime de prisão diante do falso testemunho”, disse o relator, Renan Calheiros. “Essa é uma providência que essa comissão pode sim requisitar.”

“Eu reitero a recomendação a vossa senhoria. Seria bom nós chegarmos até a verdade”, alertou o vice-presidente da Comissão, Randolfe Rodrigues.

“Deixe eu dizer uma coisa para ti: não brinque, não”, afirmou o presidente, Omar Aziz.

Mais notícias
TOPO