Sergio Cabral entrega Eduardo Paes e Eike Batista

Telegram

Sergio Cabral disse que deu 80 milhões de reais em propinas para a campanha eleitoral de Eduardo Paes:

“Em 2008 teve muito dinheiro para o Eduardo Paes, essa é uma outra história, e que eu cuidei de… O Eduardo Paes deve ter tido mais ou menos 80 milhões de reais viabilizados por mim para a campanha dele em 2008”.

Em outro trecho de seu depoimento, obtido por O Globo, ele admitiu que a linha 4 do metrô do Rio de Janeiro embutiu o valor de propinas:

Bolsonaro Tem Até 29/3 Para Salvar a Sua Aposentadoria. Você precisa acompanhar de perto essa missão se quiser proteger seu patrimônio. LEIA AQUI

“Se nós não tivéssemos feito o acordo, podia ser mais barato. Podia ser mais barato, se o jogo não fosse combinado”.

Sergio Cabral disse também que Eike Batista repassou-lhe 16 milhões de reais, mas seu esquema era com Régis Fichtner:

“Foi durante a campanha eleitoral. Não teve nada. Isso que eu queria dizer, nunca houve assim, o Eike, toma lá dá cá. Onde houve mais toma lá dá cá, e aí eu vou chegar ao Régis, foi com o escritório do Régis. Porto do Açu e as questões do Eike Batista. O escritório do Régis ganhou muito dinheiro, não sei te precisar, mas posso te dizer mais de uma dezena de milhões de reais com a EBX”.

Comentários

  • Laura -

    80 milhões para uma campanha? Isso é pornográfico. E o RJ aquele lixo que todo mundo sabe.

  • Wilson -

    Eduardo Paes será o próximo hospede das nababescas instalações de Bangu...

  • Silvana -

    Tchiiiiiiii.....

Ler 47 comentários