Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Servidores da AGU reagem contra possível nomeação de amigo da família Bolsonaro

Hoje número dois de Onyx Lorenzoni na Secretaria-Geral da Presidência, José Vicente Santini ficou conhecido por viajar da Suíça até a Índia em voo da FAB; demitido, voltou ao governo depois
Servidores da AGU reagem contra possível nomeação de amigo da família Bolsonaro
Foto: Adriano Machado/Crusoé

A possibilidade de José Vicente Santini, número dois de Onyx Lorenzoni na Secretaria-Geral da Presidência, assumir a Advocacia-Geral da União provocou reações adversas entre os servidores do órgão, diz Bela Megale em O Globo.

O lobby de Santini para chefiar a AGU foi revelado nesta quarta-feira (21) por O Antagonista.

Segundo a colunista, integrantes do órgão querem um nome de carreira para a chefia, e alguns disseram que, se Santini substituir André Mendonça —indicado por Jair Bolsonaro para a vaga de Marco Aurélio Mello no STF—, não terá equipe.

O auxiliar de Onyx ganhou fama no início de 2020, ao pegar um avião da FAB para ir da Suíça, onde participou do Fórum Econômico Mundial, até a Índia enquanto ministros como Paulo Guedes foram a Davos em voo comercial. Após o episódio, foi demitido. Amigo da família Bolsonaro, retornou ao governo neste ano.

A avaliação dentro da AGU é que, se Santini for nomeado, não vai durar no posto, como aconteceu com Fábio Medina Osório. Empossado na gestão de Michel Temer, em 2016, o advogado ficou apenas quatro meses no cargo.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO