Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Servidores do Inep entregam dossiê com acusações de interferência no Enem

Documento levado ao TCU e à CGU alega também censura na divulgação de dados e problemas de gestão que atingem áreas-chave para o funcionamento do instituto
Servidores do Inep entregam dossiê com acusações de interferência no Enem
Foto: Divulgação

Servidores do Inep (foto) entregaram nesta sexta-feira (19) ao Tribunal de Contas da União e à Controladoria-Geral da União um dossiê com denúncias de falhas e de interferências que, segundo eles, afetam não apenas a realização do Enem, mas também de exames como o Enade e o Revalida.

As provas do Exame Nacional do Ensino Médio estão marcadas para este domingo (21) e para o próximo (28).

Segundo a Folha, o material compilado pela Associação dos Servidores do Inep indica ainda haver censura na divulgação de dados e problemas de gestão que atingem áreas-chave para o funcionamento do órgão, como a de suporte tecnológico.

Depois da debandada de 37 servidores do Inep que alegaram interferência indevida do governo na realização do exame, o TCU abriu investigação, e a Defensoria Pública da União entrou com ação na Justiça Federal solicitando que o instituto comprove ter tomado todas as providências para que a prova ocorra sem fraudes.

Entidades educacionais também foram ao Judiciário pedir o afastamento do presidente do órgão, Danilo Dupas.

Hoje, mais cedo, reportagem do Estadão revelou que o MEC tentou incluir na montagem do Enem deste ano 22 profissionais que não haviam sido aprovados no processo seletivo para colaboradores.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....