Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Silêncio na Nunciatura Apostólica e no Vaticano sobre padre Robson

Silêncio na Nunciatura Apostólica e no Vaticano sobre padre Robson
Foto: Divulgação

A Nunciatura Apostólica no Brasil, que representa a Santa Sé, não vai se pronunciar sobre os escândalos envolvendo o padre Robson de Oliveira, ex-reitor do Santuário do Divino Pai Eterno, em Trindade (GO).

Ontem, O Antagonista mostrou como o silêncio da Igreja em torno desse caso — que envolve as doações de milhares de fiéis do maior país católico do mundo — pode arranhar a credibilidade da instituição em um tema tão sensível.

Enviamos um e-mail, conforme orientação da Nunciatura, perguntando, por exemplo, se a pontifícia representação tem conhecimento do caso e, em caso positivo, se cabe a ela tomar alguma medida, como a designação de um bispo ou cardeal para acompanhar o caso. Também perguntamos se a Nunciatura Apostólica tinha alguma mensagem para os fiéis que, diante das recentes notícias sobre o caso — releia aqui e aqui —, têm se sentido lesados.

A resposta veio em forma de texto-padrão, orientando que o jornalista procurasse um bispo para intermediar o contato. “A identidade de muitos escritores não é conhecida por este escritório. (…) Portanto, as pessoas que escreverem são gentilmente convidadas a acompanhar sua carta com um texto de apresentação do seu bispo, para apurar a identidade do escritor e para que seja assegurada a transmissão dos textos que tratem temas de competência única e exclusiva desta Nunciatura Apostólica.”

Por telefone, uma secretária da Nunciatura limitou-se a dizer que a representação não dá entrevistas, nem sequer tem um setor responsável para atender a imprensa.

O Antagonista entrou em contato igualmente com a Sala de Imprensa da Santa Sé, no Vaticano, mas por lá também não há, até aqui, qualquer posicionamento sobre o assunto, embora uma autoridade eclesiástica tenha garantido a este site que o papa Francisco fora informado dos escândalos envolvendo a segunda maior basílica do Brasil — menor somente que a de Aparecida, administrada pela mesma congregação religiosa de Trindade: a dos padres redentoristas.

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO