ACESSE

'Simples guarda' de R$ 51 milhões não é crime, diz defesa de Geddel

Telegram

O BuzzFeed destacou alguns argumentos da defesa de Geddel Vieira Lima para tentar evitar que o ex-ministro de Lula e Michel Temer se torne réu no STF.

Os advogados de Geddel alegam que “a simples guarda” de R$ 51 milhões no bunker da propina em Salvador –que a defesa não explica, em momento algum, de onde vieram– não configura os crimes de lavagem ou ocultação de bens.

Não configuram mesmo, mas só se a pessoa for segurança de um banco que tem R$ 51 milhões no cofre. Não parece ser exatamente o caso de Geddel.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 50 comentários