Sindicatos de petroleiros vão manter greve mesmo com proibição do TST

Telegram

A Federação Única dos Petroleiros informou que vai manter as paralisações programadas para a próxima segunda-feira.

Os sindicalistas dizem que a greve, que deve durar cinco dias, não trará prejuízo do abastecimento dos combustíveis.

Como registramos mais cedo, a Petrobras conseguiu no TST liminar contra a paralisação. Caso os sindicalistas não cumpram a decisão, serão multados em R$ 2 milhões.

Comentários

  • Adilson -

    Mas quando os sindicalistas (petistas) seguiam leis ou decisões da justiça no Brasil?

  • Nilson -

    Mete a multa de 2 milhões/dia nestes vagabundos que vão ver o que é bom pra tosse

  • EDUARDO -

    O molusco vai receber a primeira "sarrafada".

Ler 80 comentários