ACESSE

Skaf: de pato para ganso será um avanço?

Telegram

A homologação, ontem, da delação de Renato Pereira, sócio da Prole, complica a candidatura de Paulo Skaf, candidato do PMDB ao governo de São Paulo.

Segundo o publicitário, Skaf favoreceu a agência, na licitação de 50 milhões de reais para a campanha “Chega de pagar o pato”, lançada pela Fiesp em 2015 contra o aumento de impostos.

O que Skaf vai dizer? Que de pato para ganso será um avanço?

 

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 8 comentários