‘Skate virou esporte, e a garotada reclamava do preço dos instrumentos’, diz Bolsonaro, sobre redução de alíquotas

‘Skate virou esporte, e a garotada reclamava do preço dos instrumentos’, diz Bolsonaro, sobre redução de alíquotas
Foto: Isac Nóbrega/PR

Durante sua live semanal, o presidente Jair Bolsonaro justificou a redução das alíquotas de importação de skates de uso profissional e de instrumentos musicais de corda.

“Por qual motivo o skate? A partir deste ano passa a ser um esporte olímpico. Nada como a gente, no meu entender, diminuir esse imposto. Até porque essa tarifa, esse imposto de fora, você pode diminuir e não há uma contrapartida. Diferentemente do diesel”, disse Bolsonaro.

“Também havia uma garotada que falava nas redes sociais que os instrumentos musicais de corda estavam muito caros, os importados. Assim, nós passamos de 18 para 5% (a alíquota)”, prosseguiu o presidente.

Ontem, a Câmara de Comércio Exterior (Camex) do Ministério da Economia reduziu de 20% para 2% a alíquota de importação de skates de uso profissional. O colegiado da Camex também reduziu para 5% a alíquota de importação de instrumentos musicais de cordas.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO