“Só eu, o Lula e o Emílio Odebrecht”

Em 30/09/2011, o repórter Luiz Maklouf Carvalho publicou, na revista Época, um perfil do então presidente do Corinthians Andrés Sanchez.

Luiz Maklouf Carvalho gravou a conversa. O trecho sobre a construção do Itaquerão pela Odebrecht pode ser ouvido no áudio abaixo. Nele, Andrés Sanchez relata que o estádio custaria mais de 1 bilhão de reais, apesar do preço formal de 780 milhões de reais a ser divulgado. A “engenharia financeira” contou com a participação de Lula, Emilio Odebrecht e o próprio Andrés Sanchez: “A parte financeira ninguém mexeu. Só eu, o Lula e o Emílio Odebrecht.”

Por que a Odebrecht gastaria mais de 1 bilhão de reais e aceitaria receber 780 milhões de reais? O Antagonista desconfia de que a diferença — e ela acabou sendo bem maior — foi paga pelo petrolão. Que se investigue.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200