Só para consumo de EO e Number 1

Outra prova do que dissemos no post anterior sobre os contatos de Emílio Odebrecht e Lula está no relatório da PF que cita 57 vezes “o amigo” do pai de Marcelo Odebrecht.

Nesse email de 2009, Marcelo envia ao pai, “apenas para seu consumo e do seu amigo” informações sobre perdas da Braskem e a sugestão para o texto da medida provisória sobre créditos de IPI que deveria ser editada sob medida.

Como se vê, Lula foi um empregado de Emílio na Presidência da República.

Faça o primeiro comentário