Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

“Somos uma empresa familiar”, dizem diretores da VTCLog, sobre transações em dinheiro vivo

O motoboy Ivanildo Gonçalves disse à CPI, em setembro, que chegou a movimentar R$ 400 mil da empresa de logística em um único dia
“Somos uma empresa familiar”, dizem diretores da VTCLog, sobre transações em dinheiro vivo
Reprodução: Tv Senado

Os diretores da VTCLog afirmaram há pouco à CPI da Covid que a companhia fez uma grande quantidade de operações em dinheiro vivo por se tratar de uma “empresa familiar”.

Os senadores têm questionado sobre um modus operandi da VTCLog, descoberto pela CPI: o saque de grandes valores para pagamentos de boletos na boca do caixa. O motoboy Ivanildo Gonçalves, por exemplo, disse à CPI que chegou a movimentar R$ 400 mil em um único dia.

“Com todo respeito, toda consideração, nossa empresa é uma empresa familiar. A gente faz um cheque, vai pro aeroporto, ou no banco, pra pagar despesa da empresa, despesa dos sócios e despesa do nosso agronegócio”, disse o sócio da VTCLog Raimundo Nonato Brasil.

Brasil ratificou que parte dessas operações se destinava a bancar despesas pessoais dos sócios da empresa.

“É uma empresa familiar, com gestão totalmente familiar. Sócios usam o departamento financeiro para pagamentos de contas pessoais”, complementou a diretora-executiva da empresa, Andreia Lima.

Mais notícias
TOPO