SP concentra maior nº de investigações paralisadas por Toffoli

Dos 935 inquéritos e processos criminais paralisados por Dias Toffoli em julho, 233 referem-se a casos investigados em São Paulo, iniciados com base em dados do Coaf.

O Espírito Santo tem o segundo maior número de casos parados, 99; seguido por Paraná, com 83. Veja na tabela abaixo a quantidade por estado, segundo levantamento do MPF:

A delação (parcialmente) arquivada — e o 'irmão problema'. LEIA AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. EElisabete disse:

    TyBiYW5kaWRvIHNlIGFjaGEgbyByZWkgZGEgY29jYWRhIHByZXRhLiBBIHNvY2llZGFkZSBu428gcG9kZSBkYXIgdHLpZ3VhIGEgYmFuZGlkby4g

Ler comentários
  1. samuel disse:

    c2FkZXNncmFjYSB0ZW0gcXVlIHNlciBwcmVzby4uYmFzdGEgZGVzc2VzIGJhbmRpZG9zIG5vcyBsaWRlcmFuZG8=

  2. Thanos disse:

    MjA6MjZoLiB0b2ZvbGkgYWluZGEg6SBtaW5pc3RybyBkbyBzdXByZW1vPyBBaW5kYT8=

    1. RWxlIHNhYmUgcXVlIGNvbmNvbXVuYWRvIGNvbSBvcyBvdXRyb3MgZG9pcyBwb2RlcmVzICwgdOEgdHVkbyBkb21pbmFkby4g

  3. Esther disse:

    QSBhdGl0dWRlIGRvIFRvZmZvbGkgZm9pIGUg6SBpcnJlc3BvbnPhdmVsLg==