STF analisa na quarta decisão de Gilmar que paralisou ações trabalhistas

STF analisa na quarta decisão de Gilmar que paralisou ações trabalhistas

O plenário do STF julga na quarta (12) a liminar de junho de Gilmar Mendes que paralisou o andamento de milhares de ações trabalhistas no país.

Em julho, o ministro liberou a retomada dos casos.

A ação, apresentada pela Confederação Nacional do Sistema Financeiro, questiona decisões da Justiça do Trabalho que têm corrigido débitos trabalhistas com a inflação e não com a Taxa Referencial, como determina a reforma trabalhista de 2017.

Leia a reportagem na Crusoé.

Leia mais: CENSURA À IMPRENSA: O EXEMPLO QUE VEM DO SUPREMO
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 9 comentários
TOPO