STF discutirá habeas corpus de Marco Aurélio a acusado de assassinato

Telegram

Na volta do recesso, em 5 de fevereiro, a Primeira Turma do STF deve discutir o caso da missionária Dorothy Stang, assassinada no Pará em 2005.

Marco Aurélio Mello deu habeas corpus em liminar a Regivaldo Galvão, o “Taradão”, condenado em 2010 como mandante do crime. A Primeira Turma decidirá se confirma ou revoga a decisão.

Leia em Crusoé:

Na volta do recesso, Supremo tem encontro com Dorothy Stang

 

Comentários

  • Zico -

    Esse negócios de Habeas corpus está deixando gente rica e acabando com o restinho de justiça que ainda temos. Os militares precisam intervir nisto .

  • Vitória -

    Mais um solto por obra e graça do STF. O impeachment do Marco Aurélio Mello tem que ir para frente no senado. Senadores, chega de engavetar tudo contra dos Ministros do STF.

  • Rogemon -

    Se Deus quiser, Marco Aurélio, o Ministro saco de merecidas pancadas, novamente será voto vencido por 10 a 1. Esse senhor não se cansa de bancar o peso morto do STF.

Ler 65 comentários