STF nega suspensão de pena de Acir

O plenário do STF negou pedido do senador Acir Gurgacz para suspender pena a que foi condenado por crimes contra o sistema financeiro.

Edson Fachin, relator do caso, discordou do pedido e disse que não foi demonstrado nenhum “desacerto” na fixação da pena.

O único ministro a divergir foi Ricardo Lewandowski, que afirmou que “milita em favor do condenado o benefício da dúvida”.

Gurgacz está preso na Papuda e pode trabalhar no Senado durante o dia.

O Senado mandou uma "continha" extra de R$ 6 bi para você pagar. Quem vai defender VOCÊ?

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.
Tempo de publicação: 4 minutos

200

AJUDA