STF publica decisão que anulou sentença de Moro no caso Banestado

STF publica decisão que anulou sentença de Moro no caso Banestado
Foto: Adriano Machado/Crusoé

O Supremo publicou o acórdão da decisão da Segunda Turma, de agosto, que declarou Sergio Moro parcial e anulou a condenação do doleiro Paulo Krug, no caso Banestado.

A publicação do documento abre prazo para recursos.

Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski votaram contra Moro e Edson Fachin e Cármen Lúcia a favor da atuação do ex-juiz no processo. Celso de Mello estava ausente e o empate favoreceu o doleiro.

Os advogados de Krug alegaram que Moro atuou como investigador, ao tomar depoimentos do doleiro Alberto Youssef sobre o esquema, no ato de homologação da delação, em 2004, quando deveria apenas verificar a voluntariedade da colaboração.

Além disso, antes da sentença, Moro juntou ao processo cerca de 800 páginas de documentos sobre o caso que não teriam sido pedidas pelo Ministério Público Federal.

Leia aqui o documento.

Leia mais: O início da vacinação no Reino Unido traz esperança para o mundo e dá a largada para a corrida dos políticos pela vacinação em massa em diferentes países.
Mais notícias
Mais lidas
  1. "Lockdown imediato, nacional, de 21 dias"

  2. "O BOBO DA CORTE"

  3. Magazine Dilma

  4. Aras avalizou ataque do STJ à Lava Jato

  5. Nunca morreu tanta gente

Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 120 comentários
TOPO