STF retoma julgamento da prisão de André do Rap

O Supremo retomou o julgamento da decisão de Luiz Fux que mandou prender novamente André do Rap. Já existe maioria de 6 votos a favor da suspensão da liminar de Marco Aurélio Mello que mandou soltar o traficante.

Na sessão de hoje, votam Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes e Marco Aurélio.

No julgamento, os ministros analisam a nova regra do Código de Processo Penal, usada para soltar André do Rap, que obriga o juiz a reavaliar, a cada 90 dias, a necessidade de manutenção da prisão preventiva.

Todos os 6 ministros que já votaram — Fux, Alexandre de Moraes, Edson Fachin, Luís Roberto Barroso, Rosa Weber e Dias Toffoli — consideram que o fim do prazo, sem reanálise, não implica em soltura automática, como fez Marco Aurélio no caso do traficante.

Fachin e Moraes disseram que a reavaliação só deve ser feita até a condenação, em primeira ou segunda instância.

Os ministros também discutem o poder do presidente do STF de suspender liminares de outros ministros. Até o momento, nenhum contestou a decisão de Fux no caso de André do Rap.

Leia mais: Marco Aurélio e o caso André do Rap: confira os desdobramentos com informações exclusivas
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO