Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

STF tem cinco votos para rejeitar outro pedido de liberdade de Bob Jeff

Em agosto deste ano, Moraes determinou a prisão preventiva por suposta participação em uma organização criminosa digital montada para ataques à democracia
STF tem cinco votos para rejeitar outro pedido de liberdade de Bob Jeff
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

O plenário virtual do Supremo Tribunal Federal (STF) já tem cinco votos para rejeitar mais um pedido de soltura de Roberto Jefferson (foto), presidente afastado do PTB.

Até o momento, o relator, ministro Edson Fachin,  afirmou que não cabe habeas corpus contra decisão de ministro da Corte. Fachin foi seguido pelos ministros Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski, Cármen Lúcia e Rosa Weber. O ministro Alexandre de Moraes, relator de investigação contra Jefferson no STF, se declarou impedido de julgar.

Em 21 de outubro, o plenário virtual da Corte formou maioria para negar o pedido de habeas corpus solicitado pelo ex-deputado federal.

Já em 16 de novembro, por unanimidade de votos, o plenário do Supremo rejeitou um pedido de suspeição do ministro Alexandre de Moraes proposto pelo ex-deputado. A defesa de Jefferson pretendia, com a ação, afastar Moraes da relatoria das ações que têm o aliado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) como alvo.

Em agosto deste ano, Moraes determinou a prisão preventiva de Jefferson, que havia se aliado ao presidente Jair Bolsonaro, e o cumprimento de busca e apreensão contra ele por suposta participação em uma organização criminosa digital montada para ataques à democracia.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO