ACESSE

STJ determina que Adélio permaneça em presídio federal

Telegram

Liminar de Joel Paciornik, do STJ, determina que Adélio Bispo de Oliveira, o esfaqueador de Jair Bolsonaro, continue preso na penitenciária federal de Campo Grande, informa Ana Viriato na Crusoé.

A decisão ocorre cinco dias depois de o juiz federal Bruno Savino defender a necessidade de manter Adélio no presídio e anula a ordem da 5ª Vara Criminal de Campo Grande para que ele fosse transferido a um hospital psiquiátrico.

Leia AQUI a reportagem.

Leia mais: Sergio Moro agora é colunista exclusivo da 'Crusoé'. Clique e saiba mais

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 23 comentários