ACESSE

STJ nega salvo-conduto a advogados contrários ao isolamento em SP

Telegram

O ministro Ribeiro Dantas, do Superior Tribunal de Justiça, negou um pedido de três advogados de São Paulo para não serem presos pela polícia caso João Doria endureça as regras do isolamento social.

Em entrevista recente, o governador afirmou que, se ao menos 70% da população do estado não ficar confinada, poderá multar e prender quem violar o isolamento.

Na decisão, Ribeiro Dantas disse que não poderia analisar um habeas corpus contra “ato hipotético”.

Leia também: O que sabemos sobre a cloroquina

Comentários

  • Gilberto -

    kkkkkkk! O STF acabou de deferir pedido semelhante formulado por políticos contra atos hipotéticos de Bolsonaro. Confirma-se a destitução dos poderes do PR em favor dos Governadores e prefeitos.

  • Edenilson -

    Simples assim. Impossível é HC x ato hipotético.

  • Cleidi -

    Esse caminho está ficando minado. OAB consegue tudo nos tribunais partidos políticos idem, além de presos de várias organizações. Onde estão querendo chegar. ? Na grande pátria ?

Ler 26 comentários