STJ nega sete pedidos da defesa de Lula

STJ nega sete pedidos da defesa de Lula
Foto: Adriano Machado/Crusoé

A Quinta Turma do STJ negou hoje sete pedidos feitos pela defesa de Lula em embargos de declaração contra decisões do próprio colegiado. Os ministros seguiram o voto do relator, Felix Fischer, que não viu omissões nem contradições nas decisões originais e as manteve.

Em um dos pedidos, os advogados de Lula pediam acesso aos autos dos processos relacionados à Operação Spoofing, que investigou os hackers que invadiram os celulares de autoridades, entre elas Sergio Moro. A defesa do ex-presidente quer conhecer o teor das mensagens trocadas entre os integrantes da Lava Jato para instruir uma apelação contra a condenação no caso do sítio de Atibaia (SP).

A defesa de Lula também queria a declaração de nulidade das provas fornecidas pela Odebrecht e pelo Ministério Público da Suíça no caso do Instituto Lula.

Houve ainda pedidos de declaração de suspeição do delegado da Polícia Federal Felipe Pace, do procurador Maurício Gerum e dos desembargadores João Pedro Gebran Neto e Thompson Flores.

Todos os pedidos foram negados por unanimidade.

Leia mais: O 'passeio' da Turma de Gilmar Mendes pode ter chegado ao fim graças a uma decisão de Luiz Fux
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 34 comentários
TOPO