STJD poupa Felipe Melo por apoio a Bolsonaro, mas ameaça punir caso insista

Embora tenha poupado Felipe Melo pela declaração a favor de Jair Bolsonaro, no domingo, a procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) estuda denunciar os jogadores que insistirem em usar as partidas para manifestarem apoio a políticos ou partidos, registra O Globo.

“Não houve, a princípio, uma violação desportiva que legitime a denúncia (contra o volante do Palmeiras). Mas a conduta foi inadequada do ponto de vista profissional e pode, sim, se tornar desportiva se, por acaso, tornar-se repetitiva — afirmou o procurador-geral do tribunal, Felipe Bevilacqua.

A insistência em manifestações desse tipo, segundo ele, poderá ser enquadrada como um caso de conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva.

Sindicato de atletas repudia possibilidade de julgar Felipe Melo

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 90 comentários
  1. como toro sistema apareljhado e corrupto esquerdopata o podre stjd , nao poderia ser diferente ,como antro de corrupçao, que sempre foi, so aceita que se apoiecriminosos de estimaçao cuidado co o fb

  2. É notório como ainda tem gente apoiando o “respeito” na televisão, porém são apoiadores do politicamente correto. Isso mostra como foi contaminado o país. Só intervenção cívico militar res

  3. Háháháháhá, Seo STJD, sobre roubalheira e grandes sacanagens que fazem aí nos cubículos a favor de propineiros de grandes clubes, PODE? Conta aí que lulaláu comprou título mundial do curíí

  4. Desde a ‘Ditamole’, Diretas Já, atletas e artistas se manifestavam… Ronaldo fenômeno podia andar com toda orcrim-aécim-cabral-luladrão… só quero entender pq apoiar B17 não pode?!

  5. Alerta aos eleitores de Alckmin, Alvaro, Meirelles, Amoêdo e Daciolo: Andrade/lulla na presidência e Tofolli no STF! O que vocês acham que acontecerá ao nosso país? Vote pelo Brasil, vote 17 1º

  6. Então presume-se que por trás do atleta não existe um cidadão com direito à manifestação de suas preferências políticas (de direita, que fique claro), certo? Isso é que é democracia, hein??

  7. Não sou fã de futebol mas, o nome disso é CENSURA! Como resolver? Um fim de semana, só isso. Um fim de semana sem nenhuma partida disputada no país. Em protesto. O prejuízo? Money talks, shit wa

  8. No tempo do regime militar até camisa com “diretas já” jogador usava. E alguns chamam o período de “ditadura”. Agora não pode falar um ai, rapidamente. Bem, tem as redes sociais dele, ainda.

  9. Como são amadores se tivessem ignorado, não veriam a reação que vai ocorrer nos estádios por causa disso, os torcedores vão dar o troco, o povo já se uniu contra a censura da esquerda.

  10. Engraçado o “dois pesos, duas medidas” que temos observado no nosso País…. será que se ele tivesse “vomitado” o “lulalivre” o STJD teria se manifestado????!?!?!?! fica a dúvida!

  11. Os jogadores que se manifestem na redes sociais, já que a Constituição não vale mais. Livre manifestação agora é proibido, mas propaganda na camisa e o torcedor ser obrigado a ver pode.

  12. Chegou a hora: Vamos triplicar os votos para Bolsonaro. Você que apóia o MITO consiga três votos ou mais. Vamos elegê-lo no1º turno. Espalhe essa idéia. Brasil acima de tudo, Deus acima de todos

    1. Dia 22, sábado tem jogo no Morumbi. Vamos fazer a festa do Bolsonaro lá! E depois no dia 06/10, véspera da eleição, também tem clássico do Morumbi.Vamos vestir o Morumbi de verde e amarelo.

  13. Chegou a hora: Vamos triplicar os votos para Bolsonaro. Você que apóia o MITO consiga três votos ou mais. Vamos elegê-lo no1º turno. Espalhe essa idéia. Brasil acima de tudo, Deus acima de todos

  14. Mas comemorar gol com o punho cerrado pra cima pode, né? A direita precisa se ligar que os comunas criaram métodos eficazes de divulgação simbólica, o que cria uma força coletiva inacreditável.

  15. Sou Palmeirense e concordo plenamente. Façam como Danilo Gentili, usem as redes sociais para expor sua opinião politica, religiosa ou artística. No campo, homenageie a sogra, ninguém vai reclamar.

  16. Se os profissionais da bola fossem uma categoria unida, entrariam os atletas, que participarão da rodada de final de semana do Brasileirão, com camisas em apoio aos candidatos preferidos por cada um

  17. A patrulha ideologica do bolivarianismo é feroz. Imaginem o que será do país se haddad vencer! Bastará falar a palavra Bolsonaro para pegar 3 anos de cadeia. Esta claro q já somos uma ditadura

  18. Essa ameaça contraria a Constituição Brasileira, que garante a liberdade de expressão. Qualquer coisa fora disso é censura. E já aceitaram a “democracia corintiana”… o que mudou desde então