Superintendente da PF do Rio é exonerado

A exoneração do superintendente da PF do Rio, Ricardo Saadi, foi publicada hoje no Diário Oficial da União.

O anúncio da troca foi feito por Jair Bolsonaro no último dia 15. Na ocasião, o presidente afirmou que a PF do Rio na gestão de Saadi tinha problemas de “produtividade”.

O delegado Tácio Muzzi chefiará interinamente a superintendência.

O nome escolhido pelo diretor-geral da PF, Maurício Valeixo, para assumir o cargo é o de Carlos Henrique de Souza, superintendente em Pernambuco.

Comentários

  • PAULO -

    Produzia demais!

  • Jose -

    Decepcionante, filho pode roubar, fazer rachadinha, que vergonha! Bolsonaro onde está seu compromisso com a honestidade???

  • LRC -

    Bolsonaro foi um tiro n' água. Puro desperdício de voto.

Ler 65 comentários