Surdos e mudos

“Quem entende o mundo dos generais garante que Santos Cruz é ouvido”, diz Elio Gaspari.

“Santos Cruz foi um dos três ases militares levados para o governo pelo capitão Bolsonaro. Os outros dois foram Hamilton Mourão e Augusto Heleno. Ele era o único a não ter se envolvido em episódios de indisciplina. Durou seis meses, dois dos quais em processo de fritura. Desde que saiu do governo Santos Cruz tem sido um crítico raro porém pontual. Se quisesse, teria sido candidato à Prefeitura do Rio, mas afastou-se do cálice.”

Os generais podem ouvir Santos Cruz, mas eles permanecem de boca fechada, num mutismo aviltante.

Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 79 comentários
TOPO