Está engraçado

Nelson Barbosa insiste que não era possível prever o tombo na arrecadação em 2015. O engraçado é que o governo se sentia capaz de prever o aumento das receitas.

Só lembrando: em dezembro de 2014, o projeto de Lei Orçamentária enviado por Dilma ao Congresso previa um aumento de 15% na arrecadação.

De duas, uma: ou o governo petista realmente acreditava que tudo ia bem (e, neste caso, mostrava sua incompetência para detectar os sinais de crise); ou o governo mentiu ao dizer que tudo ficaria bem em 2015 (e, neste caso, por escrito, no projeto da LDO).

Faça o primeiro comentário