Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Tarcísio não leva a sério greve de caminhoneiros: "Nada de grande porte"

Ministro da Infraestrutura voltou a minimizar a possível paralisação convocada por parte da categoria para a partir da próxima segunda-feira
Tarcísio não leva a sério greve de caminhoneiros: “Nada de grande porte”
Foto: Ricardo Botelho/MInfra

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, voltou a minimizar a possível greve de caminhoneiros convocada por parte da categoria para a partir da próxima segunda-feira (1º).

“É possível que haja movimentos fragmentados, mas não acredito em nada de grande porte”, disse ele, em entrevista à Rádio Bandeirantes.

Tarcísio afirmou que tem mantido contato com lideranças e acrescentou que “a categoria é difusa, a questão da representatividade é difícil de entender”.

“Muita gente que chama o movimento e tem espaço não tem representatividade, não agrega a categoria. Às vezes um suposto líder diz que vai parar, aí falamos com outro que diz que não vai. Não é o primeiro movimento que enfrentamos. Essa é a 16ª tentativa desde 2019. As outras 15 conseguimos evitar na base da conversa.”

O ministro disse também ter certeza de que “não teremos transtornos à sociedade”.

Ontem, publicamos um vídeo no qual Tarcísio afirmava que a chance de greve era “nula”.

Sobre as declarações do ministro desacreditando a greve, o presidente da Associação Brasileira dos Condutores de Veículos Automotores (Abrava), Wallace Landim, conhecido como Chorão, disse a O Antagonista: “Vamos aguardar”.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO