ACESSE

Tarcísio: “Não vamos acabar empresa por acabar”

Telegram

O Antagonista pediu a Tarcísio Freitas que comentasse a declaração recente de que é mais pragmático do que privatista.

Ele respondeu citando como exemplo a situação da EPL.

“A gente precisa de uma EPL? Talvez não. Agora, eu tenho uma meta para cumprir e ela é importante enquanto estiver cumprindo a meta. Tenho que diversificar meus estruturadores.”

O ministro da Infraestrutura acrescentou que, dessa forma, a EPL poderá voltar a operar no azul e, por exemplo, se dedicar a projetos em estados e municípios.

“Vamos reduzir o tamanho do Estado? Vamos. Mas não vamos acabar com empresa por acabar. Isso vale para a EPL, mas vale para a Valec também.”

Do então diretor da JBS para o filho de um ministro do TST: "Talvez eu vá precisar do seu pai" Leia mais

Comentários

  • Paulo -

    CAPITAO SO DISCURSO, BILHOES NO LIXO, TODO ANO, FEZ UMA REFORMA PREVIDENCIA, O POVO QUE VAI PAGAR, MAS TEM QUE FECHAR MUITA EMPRESA DE CABIDE, EBC, CADE AS PROMESSAS, INCRIVEL,VAI SER PIOR QUE O TEMER

  • Paulo -

    A questão é que em campanha o Sr. Engodo prometeu fechar esta estrovenga e a TV Do Lulla...já sei é o tal do estelionato eleitoral...mais do mesmo.

  • Freedom -

    A Valec é uma grande enganação petista.

Ler 27 comentários