As tarefas do sucessor de Moro

O juiz que assumir os trabalhos de Sergio Moro em Curitiba vai herdar uma série de tarefas que podem mudar os rumos da Lava Jato.

Entre as pendências e responsabilidades do sucessor, está analisar ou rever benefícios a delatores com acordos já firmados, “verificar pedidos dos investigadores a respeito de apurações em andamento e solucionar processos que se arrastam por causa de réus que estão no exterior”, registra a Folha.

O novo juiz também deverá decidir se vai manter no Paraná as investigações que não têm vínculo direto com o núcleo das irregularidades descobertas na Lava Jato.

Parte da imprensa torce o nariz para a indicação de Moro. Pense: ela vai ajudar você a decifrar o atual momento?... LEIA AQUI

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 23 comentários
  1. Estamos enjoada do Ctrl+c + Ctrl+v de do O Antagonista com as besteiras e mentiras que a Folha publica. Ontem estava com alguns amigos num restaurante e dois deles resolveram não assinar a Crusoé

  2. Com Moro no Ministerio o sucessor vai estar mais tranquilo com relação aos rumos das investigações, porém ainda tem que enfrentar os corruptos do STF que fazem de td pra livrar os parças da ORCR

  3. Vai assumir tarefas que podem mudar, mas podem não mudar. Podem melhorar, mas podem piorar, ele pode decidir assim ou assado. Sem saber qual o juiz e seu perfil, o UOL está jogando Tarô. Que fase !

  4. Não tem importância, agora a LavaJato continua por gravidade já cumpriu sua nobre função ao colocar o “chefe” no xilindró. Agora é só descer a ladeira sem desmerecer o trabalho da nossa Juí

  5. Se esses fossem mesmo os problemas mais sérios, não haveriam problemas à resolver. Nossos problemas jurídicos, criminais e institucionais residem no STF. É ali que se faz necessária uma “lanter

  6. Daí pode-se ver o tamanho da tarefa que Sérgio Moro realizou para o nosso país. Um verdadeiro herói da nação brasileira. Não é à toa que ele tem a aprovação de mais de 80% da população.