TCU determina que a presidente da Associação Juízes para a Democracia volte a trabalhar

O TCU, em medida cautelar, suspendeu a licença remunerada que Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande Sul havia concedido à juíza Valdete Souto Severo, para que ela se dedicasse em tempo integral à presidência da Associação Juízes da Democracia, aquela entidade privada que acredita que “as instituições estão sendo soterradas por uma plutocracia fascista” e que Lula é “preso político”,

O despacho do relator Raimundo Carreiro cita a comunicação do ministro Walton Alencar Rodrigues, segundo a qual a Associação Juízes para a Democracia, é “entidade privada, com fins  políticos, que refoge ao conceito de associação de classe, o que permite, a priori, vislumbrar a possibilidade concreta da prática de ato ilegal, por parte de todos os membros do órgão especial do tribunal, que autorizaram a cessão irregular da magistrada, causa de nítidos prejuízos à magistratura e ao Erário”.

Clique aqui para ler o documento na íntegra

OS POLÍTICOS QUEREM DOMAR O LEÃO. ENTENDA POR QUÊ. Saiba mais

Comentários

  • Ruy -

    Esquerdista típica. Só sabe ganhar. Trabalhar que é bom não é com eles. Fez bem o TCU.

  • Polistyca -

    GALERINHA vagaba, hein?

  • Polistyca -

    Galerinha vagaba, hein?

Ler 74 comentários