TCU mantém suspenso contrato da Telebras

Por unanimidade, o plenário do Tribunal de Contas da União ratificou há pouco a decisão cautelar do ministro Bruno Dantas, que suspendeu a contratação do consórcio EMC pela Telebras.

O Antagonista revelou, na semana passada, que a EMC tem como diretor-geral um ex-assessor da presidência da Telebras. Os contratos obtidos pela empresa somam quase R$ 400 milhões.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200