Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

TCU vai investigar carona dada por Michelle Bolsonaro em voo da FAB

Sete familiares da primeira-dama pegaram carona com a ministra Damares Alves, em 21 de agosto, para participar da festinha do maquiador oficial
TCU vai investigar carona dada por Michelle Bolsonaro em voo da FAB
Reprodução/Instagram

O Tribunal de Contas da União abriu processo para apurar indícios de irregularidades na viagem em que a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, levou sete parentes da primeira-dama Michelle Bolsonaro em um voo da FAB.

O rolê da primeira-dama aconteceu em 21 de agosto, em uma viagem de Brasília para São Paulo.

O avião da FAB foi solicitado por Damares com o pretexto de ir a um evento do programa Pátria Voluntária. Mas a comitiva bolsonarista, que incluía três irmãos, uma cunhada e dois sobrinhos de Michelle, seguiu para a festa de aniversário do maquiador Agustin Fernandez, que também pegou o jatinho da FAB.

Agora, o caso está sob a relatoria do ministro Weder de Oliveira.

 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO