Tem até nome, Marinho: "taxa de liberdade sindical obrigatória"

Tem até nome, Marinho: “taxa de liberdade sindical obrigatória”
O secretário Especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, participa de seminário sobre Previdência, na Câmara dos Deputados

O Antagonista apurou que o novo imposto sindical — Rogério Marinho jura ser contra — está sendo chamado de “taxa de liberdade sindical obrigatória” no Grupo de Altos Estudos do Trabalho (GAET), criado por Rogério Marinho.

Até o nome é um acinte.

Mais: a Febraban pressiona pela volta do imposto, em parceria com os sindicatos.

Se Rogério Marinho é mesmo contra, que demonstre isso e não deixe o absurdo ir adiante.

A delação que pode começar a revelar as entranhas do Judiciário. Saiba tudo
Mais notícias
TOPO