Temer a O Antagonista, sobre a delação da Odebrecht: “Minha preocupação é institucional”

O Antagonista perguntou a Michel Temer se estava preocupado ou muito preocupado com a delação premiada da Odebrecht, segundo a qual o PMDB levou 10 milhões de reais em espécie, na campanha de 2014.

Eis a resposta:

“Eu já confirmei que jantei com Marcelo Odebrecht, no Jaburu, em 2014. Como é natural, o partido me pressionava para obter recursos para os seus candidatos. A Odebrecht contribuiu? Claro que sim. Está tudo registrado. Foram mais de 10 milhões de reais, dentro da lei. Sei que muitos podem não acreditar, dado o momento terrível que vivemos, mas não tenho conhecimento sobre dinheiro dado em espécie ao partido. E, sinceramente, acho improvável que isso tenha ocorrido. A minha preocupação é institucional, não jurídica”.