Temer analisa nomes para comando da PF

Michel Temer analisa uma lista tríplice de delegados da Polícia Federal cotados para substituir Leandro Daiello na chefia do órgão, informa o Painel da Folha.

Os indicados por cinco entidades ligadas à corporação são os seguintes:

– Fernando Segóvia, “o nome mais palatável ao universo político”;

– Luiz Pontel de Souza;

– Rogério Galloro.

Os dois últimos são próximos a Daiello e contam com a simpatia do ministro da Justiça, Torquato Jardim.

“Daiello, na direção-geral há quase sete anos, reclama de cansaço há tempos. A troca no comando da PF é alvo de especulações há meses, mas o assunto ressurgiu com fôlego nas últimas semanas.”

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler 18 comentários
  1. Temer, Torquato & Cia. trabalham arduamente para acabar com lava jato, consequentemente “acalmar” a PF. A problemática do RJ é apenas um pequeno detalhe.

  2. A CANTILENA VAI CONTINUAR,POIS O ATUAL DIRETOR DA POLÍCIA FEDERAL LEANDRO DAIELLO ,SEMPRE FOI CORRETO COM SUA FUNÇÃO.
    CANSADO,ESGOTADO,”SCROTUS PLENUS”,JÁ ESTÁ EM NOSSO “IMAGINARIUM “,PORÉM É O HOMEM DE CONFIANÇA DOS BRASILEIROS ,QUE ACREDITAM NA LAVA JATO.
    “TEMER (ÁRIO),SAQUE UMA : EM TIME QUE ESTÁ GANHANDO ,NÃO MEXE !!!!!!!!!!!!!!
    COMO QUEM DEVE,TEME(r)………………………………………………………………………………………….

  3. Volta e meia trazem isso novamente. Querem achar algum argumento para colocar alguém ”de confiança ” dos políticos na PF para limpar a ”barra” deles. Isso é patético e bom vindo de quem vem não é nada novo mais temos que ficar prestando atenção em movimentos da corja para não deixar ir para frente.

  4. Não entendi: os indicados ou os indiciados? Tem base a pergunta. Se fosse Fernandinho Beira-mar a indicar, ele indicaria quem? O Papa Francisco? Dom Orani Tempesta? Óbvio que ele indicaria Marcola. As indicações de Sarney, FHC, Collor, Lula, Dilma para as mais variadas “instituições “, quais os predicados delas? A santidade? Santos(as) Gilmar, Celso, Rosa, Ricardo, Dias, Luiz, Carmem….? Evidentemente que não. Os pré-requisitos foram outros, hoje conhecidos. Que o digam a venalidade, a desonestidade, a mentira, a parcialidade, a corrupção, a mentira, o enriquecimento ilícito, a senvergonhice, o falso juramento… e por aí vai.

  5. será que o falatório errado desse sinistro da justiça, era proposital? tipo cortina de fumaça? já estou achando que os políticos predadores usam de um bombardeio de falatório, criam uma confusão de um lado e agem do outro; O INFERNO É AQUI.

Os comentários para essa notícia foram encerrados.