Temer a Bolsonaro: “Se quiser, já pode ocupar a Granja do Torto”

Michel Temer, em rápido pronunciamento, disse que o CCBB já está pronto para o governo de transição e que também disponibilizou a Granja do Torno para abrigar Jair Bolsonaro e sua família.

“Se quiser ocupar a Granja do Torto, está pronta. A transição já está formatada e organizada. O livro da transição revelará o que foi feito e o que ainda deve ser feito. Especialmente no plano econômico, precisamos trabalhar juntos.”

Descubra o plano secreto (e baixo) de Cuba para eleger o PT. Leia aqui

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 38 comentários
  1. o problema é o sério risco de atentado que Bolsonaro ainda corre… temos uma nação, venzuela, que vai financiar a esquerda brasileira, matar bolsonaro para eles é interessante olhem o curricul

  2. Bolsonaro não pode esquecer que a ORCRIM tem vários tentáculos, o “porraloca” começou a ser desmantelado com a prisão do Molusco, o tucano foi chutado nas urnas, mas sobrou o Centrão.

  3. Bolsonaro começa a partir de hoje o período mais arriscado da sua vida, quando a ORCRIM vai tentar cooptá-lo para o “mecanismo” com lisonjas e ofertas de apoios. Cuidado com a queda para cima!

  4. Desculpem, sem entrar no mérito de seu governo, há que se reconhecer a elegancia do Temer, ao contrário do Haddad. Fora isto, Parabéns caro Diogo por afinal ficar livre de sua anta!!!!!!

  5. Cuidado capitão, coloque um segurança em cada moita do Torto, não vacile que a quadrilha não aceitará a derrota assim tão fácil, mas antes vão acampar no STF pra tentar anular a eleição no g

    1. Nordestinos votam no PT e depois vêm para o Sul vender redes e carteiras de couro, em um sub emprego que nunca acaba. Precisamos libertar o povo nordestino das garras dos coronéis e comunistas.

    2. Tá mal informado, PT lacrou no NE, fez quatro governadores petralhas e cinco aliados. O povo lá parece adepto do masoquismo, adora um político sádico.