Temer continua com Bretas

Temer continua com Bretas
Foto: Beto Barata/PR

O Tribunal Regional Federal da 2ª Região, do Rio, desmembrou hoje parte do processo contra Michel Temer por desvios na Eletronuclear.

Os desembargadores decidiram que a denúncia contra Vanderlei de Natale, acusado de ser operador financeiro de Temer, vai para a Justiça Federal de São Paulo.

Ele foi acusado de lavar R$ 14,5 milhões do dinheiro desviado da estatal por meio das empresas Construbase e PDA, entre 2013 e 2016.

A parte relativa a Temer, no entanto, continua no Rio, com o juiz Marcelo Bretas, da Lava Jato.

O ex-presidente é réu por peculato, evasão de divisas e lavagem por desvios nas obras de Angra 3.

Leia mais: As notas exclusivas da Crusoé são fonte de informação indispensável para entender o que ocorre na capital federal e adjacências.
Mais notícias
TOPO