ACESSE

Temer e o "Pacto do Alvorada"

Telegram

Em artigo publicado hoje pelo Estadão, Michel Temer voltar a falar em “pacificação” do país.

“Que se construa um grande pacto político com vista à pacificação interna do país e à paz nas suas relações internacionais. Isso porque as relações, sejam governamentais ou privadas, andam tão tumultuadas que se impõe esse concerto”, diz o ex-presidente.

Temer, o “pacificador”, afirma também:

“O presidente da República, com os presidentes da Câmara, do Senado e do Supremo Tribunal Federal podem articular-se, como já fizeram em passado recente, para convidar presidentes e líderes dos partidos, governadores, sindicalistas e empresários para esse pacto nacional cujo objetivo é a pacificação nos termos descritos no início deste artigo. Recorde-se o Pacto de Moncloa. Promova-se um Pacto do Alvorada.”

Os grampos que ligam Joesley, da JBS, com os poderosos de vários partidos. LEIA AQUI

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 127 comentários