Temer em terras argentinas

Michel Temer, em sua primeira viagem à Argentina, não foi recebido na Casa Rosada e sim em Quinta de Olivos, residência oficial do presidente Maurício Macri, disse o Estadão. Assim Temer evitou protestos programados na Praça de Maio.

Na pauta do almoço, ampliar o diálogo entre os dois países para eliminar obstáculos ao crescimento comercial e simplificação de procedimentos para micro e pequenas empresas. A negociação Mercosul-União Europeia e aproximação da Aliança com o Pacífico também também estariam entre as conversas.

De Buenos Aires Temer parte em seguida para Assunção, no Paraguai, para jantar com o presidente Horácio Cartes.