Temer: insegurança é ‘emergência nacional’

Michel Temer mandou mensagem aos governadores reunidos no Acre para discutir ações de segurança pública –ele iria ao encontro, mas cancelou depois da internação desta quarta.

“Estejam certos de minha firmeza no enfrentamento dessa emergência nacional que é a insegurança dos brasileiros”, escreveu o presidente, em texto divulgado por sua assessoria.

Temer afirmou ainda que seu governo está empenhado no combate ao crime organizado da mesma maneira que “venceu a recessão” econômica.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;

Ler 11 comentários
  1. É emergência nacional, mas falta dinheiro para resolvê-la, porque o Temer gastou tudo ao se defender na denúncia contra ele, ao dar o dinheiro aos parlamentares que votarem pela recusa da denúncia. O que sobrou foi para o Rio de Janeiro, para acalmar o Maia.

  2. Discutir segurança pública no Acre já é um prenúncio que a coisa não vai dar em absolutamente nada!
    Aliás, imagina o que não passa pela fronteira entre o Acre e a Bolívia, maior produtora de cocaína do Planeta…
    Lembrando que no Porto de Paranaguá existe um entreposto aduaneiro da Bolívia. Canal aberto para o Oceano Atlântico, para o mercado Europeu! Quem fiscaliza aquilo?

  3. Quer ganhar popularidade com os cidadãos honestos do Brasil e melhorar a segurança pública no país Sr. Presidente?
    Trabalhe para a REVOGAÇÃO DO ESTATUTO DO DESARMAMENTO.
    DEVOLVA O DIREITO DE DEFESA, O DIREITO MAIS BÁSICO QUE EXISTE, AOS CIDADÃOS.

    1. Ele investe 32 bi só na própria segurança, além de convocar o exército para isso. Ele sabe que a população está prestes a linchá-lo. Só olhar os comentários “carinhosos” em seu Twitter. Não são de petistas, que querem que Temer continue, como todos sabemos!