Temer “irritado”. É tudo?

Perguntamos mais cedo se Michel Temer diria algo sobre o fato de um ministro do seu governo (agora ex, Marcelo Calero) ter acusado um colega (Geddel Vieira) de exigir privilégios do Ministério da Cultura.

Temer fez espalhar por um “interlocutor” não identificado a seguinte versão, segundo O Globo:

“Uma coisa totalmente desnecessária. O presidente está muito irritado.”

O alvo da irritação é Geddel — que deve estar preocupadíssimo.