Temer mobilizou servidores para tratar de alvará de reforma na casa da filha

E-mails apreendidos pela PF revelam que Michel Temer mobilizou diretamente servidores públicos para resolver a liberação de alvará para a reforma da casa de sua filha Maristela, informa o Globo.

Em seu relatório, a PF registra a atuação dos servidores no episódio –tanto do gabinete de Temer, então vice-presidente, quanto do de Fernando Haddad, prefeito de São Paulo na época–, mas não aponta nenhuma irregularidade.

Os policiais apreenderam o material na Operação Skala, que investiga se Temer recebeu propina do setor portuário.

A reforma na casa de Maristela foi realizada pela empresa do coronel Lima, suspeito de captar propina em nome do presidente.

A hipótese dos investigadores é que a obra tenha sido bancada com repasses ilegais feitos por empresas ao coronel. Temer vem negando as acusações.

 

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler comentários
  1. Luis disse:

    Ao que tudo indica, Temer passará a faixa ao próximo presidente de cabeça raspada.

  2. Evandro disse:

    Sério?! Deve ser o primeiro político que faz isso... e se deixa pegar.

  3. Leonam disse:

    A melhor forma de prender essa gangue é enjaular o congresso nacional.

  4. Eduardo disse:

    O título deste post, quando comparado com o texto, diz tudo: O Antagonista realmente não consegue superar o trauma pela derrota, exposição e desmoralização do golpe de Janot, no qual entrou...

  5. Anarqu!sta;-) disse:

    Nada de anormal no Estado Democrático de Direito. As instituições continuam funcionando normalmente. Tudo foi aprovado junto aos Órgãos Fiscalizadores, Reguladores, Corpo de Bombeiros, Receita Fe

  6. Maria disse:

    Foi Temer quem indicou Márcio Tomaz Bastos a Lula. Quer mais ou é pouco?

  7. Maria disse:

    Tal Lula, tal Temer... Mesma podridão incomensurável!

  8. Rafael disse:

    É o vínculo umbilical PT-PMDB às últimas consequências.