Denúncia contra Temer: como vota o PSB?

O PSB tem quatro deputados titulares na CCJ: Danilo Forte (CE), Fabio Garcia (MT), Júlio Delgado (MG) e Tadeu Alencar (PE). Os dois primeiros estariam dispostos a votar com Michel Temer e os outros dois pelo recebimento da denúncia contra ele.

O Antagonista soube que Fernando Coelho Filho, o ministro do partido no governo (Minas e Energia), convidou ontem parte da bancada para almoçar e conversar sobre a situação do presidente. Ele não quer uma votação rachada na comissão: 2 a 2, como provavelmente seria hoje.

Também ontem, Júlio Delgado apresentou à líder da bancada, Tereza Cristina (MS), um documento assinado por 22 dos 36 deputados da legenda (veja abaixo), para que os quatro votos na CCJ sejam pelo recebimento da denúncia. A sugestão é que, se Danilo Forte e Fabio Garcia não quiserem se posicionar nesse sentido, que faltem à sessão e abram espaço para que os suplentes Danilo Cabral (PE) e Hugo Leal (RJ) o façam.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;

Ler 3 comentários
  1. Sou sua eleitora e estou acompanhando suas ações e votações!! ! NÃO gostei do ” diretas ja”: não é o que está na constituição.Tem que valer a lei. Estamos de olho na CCJ e no plenário. Temer não tem condições de continuar: o povo viu e ouviu o que realmente viu e ouviu!!!!! Ah! E voto impresso em 2018 ou não iremos as urnas!!!